APRESENTAÇÃO

 

Em 2019, o PET Letras Ufal, em parceria com o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB), o Centro Acadêmico de Letras, a Direção da Faculdade de Letras e as Coordenações de Graduação, traz para a XII Semana de Letras o tema “Arte & Ciência: A Interdisciplinaridade da Linguagem”.
 

A Semana de Letras é um evento de periodicidade anual que recebe um público de, em média, 300 participantes, e tem o objetivo de, por meio das discussões dos temas propostos, integrar ainda mais a comunidade acadêmica de Letras de diversas unidades. Este ano, o evento contará com conferências, minicursos, mesas redondas, oficinas, sessões coordenadas de professores, graduandos e pós-graduandos, comunicações orais de graduandos, Cinetopia, e apresentações culturais, além da VII Expoletras, com as segundas edições do Retrato e do Retrate, e o VII Concurso de Contos Arriete Vilela. Assim, convidamos todos a participarem da nossa 12ª edição da Semana de Letras da Ufal.
 

A proposta temática surgiu a partir dos 500 anos da morte do artista, inventor e pintor italiano Leonardo da Vinci, figura que transitava entre a Ciência e as Artes. Dessa forma, o tema da Semana surgiu a partir da necessidade de reflexão acerca da interdisciplinaridade que perpassa a área de Letras, e por vezes não é tida como relevante.

 

Além disso, para fomentar essa discussão, algumas outras datas redondas foram escolhidas, como os 100 anos do nascimento de Louis Braille, criador do alfabeto para cegos, Paris, França, 90 anos do nascimento do escritor José de Alencar, 180 anos do nascimento do escritor Machado de Assis, fundador e primeiro presidente da ABL, 120 anos de nascimento de Jorge Luis Borges, 420 anos de nascimento do pintor Diego Velazquez, 20 anos da morte do escritor João Cabral de Melo Neto e 70 anos da publicação de 1984, de George Orwell.

 

O logo da 12ª edição da Semana de Letras foi escolhido, dentre outros aspectos, como forma de homenagem aos 500 anos de nascimento de Leonardo através de sua obra “Homem Vitruviano”, um desenho técnico feito pelo artista. O desenho transmite a ideia de geometria buscada pela arte no período renascentista, época em que a ciência ganha espaço na Europa. Ademais, o logo traz os traços da Flor de Liz, símbolo do curso de Letras e o círculo do Homem Vitruviano, representa no logo da Semana, o ciclo, o movimento, renovação e naturalidade. Dessa forma, em sua totalidade o logo representa a interdisciplinaridade entre Ciência e Artes, diálogo que permite a renovação para todos os estudiosos, em várias áreas do conhecimento.

 

Assim, convidamos todos a participarem da nossa XII Semana de Letras da Ufal, e a participarem e contribuírem com o diálogo interdisciplinar que a linguagem e, logo, os estudos da linguagem permitem.